4 Passos para preparar a loja para o fim do ano

Com a chegada do último quadrimestre, é hora de preparar a loja para o fim do ano. De setembro em diante a correria costuma ser grande e quando muitas pessoas se dão conta, já é Natal. Mas isso não significa que a sua loja deva ser pega de surpresa, muito contrário: planejamento é a chave para aproveitar as vendas do período sem aperto.

Não é apenas o Natal que exige atenção, mas algumas datas comemorativas até chegar lá. Nestes meses é preciso se programar em relação a estoque, promoções, decoração da loja e até mesmo à gestão da sua equipe, que talvez precise de reforços.

Confira a seguir quatro passos que vão lhe ajudar a preparar o seu comércio para este período tão promissor nas vendas:

1. Fique de olho nas datas comemorativas

Como acabamos de mencionar, não é apenas o Natal que deve estar no seu radar quando o fim do ano se aproxima. Nos meses de outubro, novembro e dezembro há algumas datas comemorativas e feriados que podem dar uma impulsionada nas vendas. Veja alguns exemplos:

12/10 – Dia das Crianças

15/10 – Dia do Professor

31/10 – Halloween

Final de novembro – Black Friday

Final de ano – Encerramentos e amigo secreto

25/12 – Natal

31/12 – Véspera de Ano-Novo

Além destas datas, existem alguns feriados nacionais até lá, como o de Nossa Senhora Aparecida (12/10), Finados (02/11) e Proclamação da República (15/11) que podem movimentar alguns segmentos específicos.

2. Prepare seu estoque

Nem de mais e nem de menos: estude as vendas dos anos anteriores e acompanhe as tendências da sua área para saber o que o seu público irá querer comprar nesta época do ano. Não ter produtos a pronta entrega é correr o risco de perder a venda, já que muitas pessoas deixam para comprar na última hora e, no caso de data comemorativa, não poderão esperar para depois que ela passe.

Da mesma forma, não é saudável para nenhuma loja ter produtos encalhados, que precisarão ganhar vazão em alguma liquidação, reduzindo a margem de lucro do negócio. Programe-se, faça os pedidos com antecedência e consiga condições melhores com os seus fornecedores.

3. Férias e obrigações trabalhistas de fim de ano

Não é apenas em relação às vendas que a sua loja deve se preparar para o fim do ano, mas em relação à sua equipe e ao financeiro. Nas semanas que antecipam as festas de fim de ano é comum que o comércio fique aberto por mais tempo e veja aumento no movimento, o que pode significar jornadas de trabalho mais longas para a sua equipe. Prepare-se para pagamentos de hora extra.

O fim do ano também é a época em que encargos trabalhistas devem ser pagos, como é o caso do décimo terceiro salário e, em alguns casos, férias. Prepare o caixa para cumprir com todos estes compromissos com tranquilidade.

4. Contratações temporárias

Se o seu comércio observa um aumento muito expressivo no volume de clientes no fim de ano, é possível que apenas estender a jornada da equipe não seja suficiente. Muitas lojas contratam mão de obra temporária neste período, para dar conta da demanda mantendo a qualidade de atendimento do estabelecimento.

Antecipe-se nesta etapa para poder contratar estes colaboradores com cuidado e para ter tempo de treiná-los. Desta forma, quando a demanda aumentar a sua loja contará com uma equipe reforçada e preparada para melhor atender o seu cliente.

Leia também: 6 Vantagens de ter um software de gestão no comércio